A CD Projekt RED fez uma postagem no Twitter pedindo para que os fãs e criadores de conteúdo não façam streams do Cyberpunk 2077 antes do embargo, no dia 9 de dezembro, às 8h (horário de Brasília). A campanha do estúdio polonês é em prol de que todos os jogadores tenham a mesma experiência ao jogar o game, totalmente sem spoilers.

Diversos títulos tem conteúdos vazados perto do lançamento que podem afetar a expectativa ao jogá-los, como foi o caso do The Last of Us Parte II. No caso de Cyberpunk, cópias físicas já foram enviadas para alguns jogadores, alertando a empresa sobre possíveis spoilers na Internet.

Na publicação, a CD Projekt RED fez uma brincadeira dizendo que irão mandar MAX-TAC, agentes da Polícia de Cyberpunk 2077, atrás de quem não cumprir o embargo. No entanto, desejam que todos “façam streams como se não houvesse amanhã” depois de passar a data estabelecida.

Patch Day One de 56 GB do Cyberpunk 2077 não existe

Após rumores de que o Cyberpunk 2077 teria um patch Day One de 56GB, o dev da CD Projekt RED, Fabian Mario Döhla, disse que esse update não existe. Pelo menos, não por enquanto. A imagem que circulou na Internet era da instalação comum do game. É bem possível que o jogo tenha uma atualização no dia do lançamento, mas não desse tamanho.