A Google começou a notificar usuários do Gmail, Google Fotos e Drive indicando que pode apagar arquivos de quem está acima do limite de armazenamento gratuito. Em 2020, a empresa alterou as regras de uso de sua nuvem e incluiu diretrizes que dão poder para a companhia deletar materiais em certos casos.

O e-mail enviado para os usuários destaque que, a partir do dia 1° de junho de 2021, quem ultrapassar o armazenamento gratuito por dois anos pode ter dados excluídos. O mesmo também vale para contas que ficarem inativas durante mais de 24 meses.

Leia mais…