Pawel Selinger, roteirista e diretor de arte de Dying Light 2, anunciou sua saída da Techland na última quinta-feira (07). O dev se juntou ao estúdio polonês em 1999, onde passou por promoções e ajudou em diversos projetos (dentre eles Dead Island e Call of Juarez).

Selinger usou seu perfil no LinkedIn para revelar a informação. Ele não detalhou o motivo pelo qual pediu o encerramento do vínculo, mas agradeceu à produtora em pequena nota.

Após 22 anos, eu decidi encerrar meu vínculo com a Techland. Gostaria de expressar meu agradecimento à companhia que permitiu que eu crescesse e me realizasse pela metade da minha vida. Techland, eu sempre estarei torcendo por você e pelas pessoas que conheci, graças a você. Desejo que Dying Light 2 e seus projetos seguintes se tornem hits mundiais.

Como vai o desenvolvimento de Dying Light 2?

Por enquanto, não há uma previsão de lançamento para Dying Light 2. Inicialmente, o game de sobrevivência e terror chegaria ao mercado no início de 2020, mas a Techland optou por adiá-lo sem estipular uma data de estreia.

Possivelmente o desenvolvimento do título se encontra muito perto do fim. Em junho de 2020, o estúdio afirmou que a produção caminhava bem e estava nos passos finais. Além disso, também garantiu novidades neste ano. Aos fãs, o jeito é apenas aguardar.