Uma notícia publicada no final do ano passado na edição russa da revista Popular Mechanics pode representar um empecilho para o sonho de Elon Musk de tornar a Starlink uma rede mundial de internet: um projeto de lei apresentado à Duma Estatal, órgão legislativo russo, prevê multas para quem usar serviços ocidentais de internet via satélite.

O novo projeto estabelece que todo o tráfego da internet deve passar, obrigatoriamente, pela estação da operadora de telecomunicações da Rússia, e que o uso da Starlink e demais sistemas semelhantes, por enviar sinais diretos via satélite, desconsidera as operadoras russas.

Leia mais…